PREVISC: Administradora de planos de previdência, fundada pelo Sistema FIESC
PREVISC: Administradora de planos de previdência, fundada pelo Sistema FIESC

Previdência complementar

15/07/2021
Previdência complementar: o que é e como fazer a sua

Aqui estão todos os detalhes sobre previdência complementar: o que é, como fazer, quanto e quando investir e muito mais. Entenda!

Você sabia que existe uma maneira segura de complementar a sua renda quando você decidir se aposentar? Afinal, contar somente com a aposentadoria do INSS não garante qualidade de vida e conforto no futuro.

Mesmo porque, cada vez mais as regras de aposentadoria do Instituto Nacional do Seguro Social estão mudando. Sendo assim, é necessário se prevenir de outras formas.

Além disso, é na melhor idade que mais precisamos contar com um plano de aposentadoria seguro que arque com todas as nossas necessidades da mesma forma de quando estávamos trabalhando.

Portanto, veja a seguir e saiba mais sobre a previdência complementar: o que é e como adquiri-la de forma segura pensando no seu futuro e das pessoas que você ama.

Como funcionam os planos de previdência complementar

As reformas previdenciárias realizadas nos últimos dez anos pelos governos deixaram muitas pessoas que dependem da aposentadoria do INSS incertas sobre o futuro.

Por isso, cada vez mais cresce a procura por um plano de aposentadoria complementar. Ou seja, algo que realmente faça a diferença no futuro.

Contudo, muitas pessoas ainda ficam em dúvida sobre a previdência complementar, o que é e como funciona. De maneira geral, seu principal objetivo é gerar renda segura para o futuro.

Sendo assim, o contribuinte escolhe um plano de previdência complementar de acordo com seus interesses e condições, e passa a destinar um valor todos os meses.

Quanto antes começar, mais dinheiro será acumulado e gerará rendimentos no longo prazo.

Quando chegar o momento de se aposentar, esse valor estará disponível para complementar sua aposentadoria e proporcionar uma segurança a mais nesse período de vida.

Qual o valor ideal de investimento

O valor a ser investido na previdência complementar dependerá daquilo que você espera e do quão seguro você deseja estar quando se aposentar. Por exemplo, quanto maior o valor, maior será o retorno.

Entretanto, é importante escolher o plano que mais se encaixa em seu perfil de investidor, afinal, a previdência complementar é um investimento que você usufrui a longo prazo.

Tenha em mente que ao fazer um plano de previdência complementar estará realizando um compromisso com você mesmo, pensando em sua vida, no seu futuro.

Além disso, ao realizar um plano de previdência complementar você também estará pensando em sua família, que ficará tranquila sabendo que você terá um rendimento seguro.

Dessa forma é possível dizer que esta é uma alternativa viável, sabendo que o INSS muda o plano de aposentadoria com frequência. Por outro lado, essas mudanças não acontecem na previdência complementar.

Afinal, você escolhe um plano no momento da contratação sabendo que não haverá mudanças nem surpresas desagradáveis, além de ter a certeza que poderá manter sua qualidade de vida quando se aposentar.

Vantagens da previdência complementar

A maioria dos planos de previdência complementar, além da vantagem de saber que o seu dinheiro está rendendo, apresenta outros diferenciais interessantes. Confira:

  • Não possui vínculo com o INSS, ou seja, você poderá receber os dois rendimentos;
  • Alguns planos abatem valores do Imposto de Renda;*exceto VGBL

Além disso, você pode fazer uma simulação e saber quanto receberá no futuro, ou seja, uma garantia a mais para deixar de se preocupar.Portanto, sabe quando é o momento certo de investir? Agora, pois quanto mais cedo você começar, mais rendimentos terá acumulado para seu futuro. Saiba mais AQUI.