PREVISC: Administradora de planos de previdência, fundada pelo Sistema FIESC
PREVISC: Administradora de planos de previdência, fundada pelo Sistema FIESC

Notícias

15/07/2022
Cenário Econômico: confira as principais notícias da semana de 11 a 15/7

Mundo

A atividade econômica chinesa decepcionou no segundo trimestre. Os recorrentes lockdowns rígidos seguem dificultando a produção industrial do país, diminuindo seus resultados e mantendo as cadeias produtivas comprometidas. O PIB (Produto Interno Bruto) no segundo trimestre variou -2,6% diante de projeções de -1,5%. Com isso, se torna improvável que a China atinja sua meta de crescimento anual de 5,5%.

Indicadores inflacionários europeus foram divulgados de acordo com as projeções. Os dados relativos a preços ao consumidor em junho foram de 0,1% e 0,7% para Alemanha e França, respectivamente. A concretização das expectativas se deu ao mesmo tempo que a região trouxe dados de atividade acima das projeções. A produção industrial da Zona do Euro em maio cresceu 0,8% com relação ao mês anterior, 0,5pp acima do esperado. O Reino Unido trouxe um crescimento de 0,4% em seu PIB no segundo trimestre, enquanto as projeções apontavam para estabilidade.

A atividade, entretanto, não reflete em boas expectativas na região. O índice de sentimento econômico mensurado pelo instituto alemão ZEW indica que o humor do país está no menor patamar desde a crise de 2008. O dado divulgado para julho é de -53,8 pontos, despencando com relação ao já ruim -28,0 do mês anterior. O aprofundamento dos temores é influenciado pela primeira manutenção anual do gasoduto NordStream um após o início da guerra na Ucrânia. Ligando Rússia à Alemanha, os dutos são símbolo da dependência energética europeia e o temor é que os russos não reativem o fornecimento no prazo programado, usando o gás como ferramenta de barganha. Com isso, o Euro é negociado em paridade com o Dólar pela primeira vez em 2 décadas, já tendo desvalorizado 12% em 2022.

Nos EUA, a inflação continua pressionando a economia. Com projeções já altas (1,1%), o dado apresentado surpreendeu negativamente ao atingir 1,3% no que diz respeito ao consumidor em junho. Com isso, a inflação acumulada em 12 meses já é de 9,1%, a mais alta em 41 anos.

Os dados relativos à atividade na maior economia do mundo, por sua vez, foram mais razoáveis. Enquanto varejo trouxe dados acima do esperado e a produção industrial ficou abaixo, os indicadores de confiança do consumidor mensurado pela Universidade de Michigan mostram que a percepção do público geral tem saldo positivo no momento. O componente relativo às condições atuais está em patamar positivo, crescente e acima do projetado. As expectativas para o próximo mês são levemente negativas, apesar de serem melhores que o esperado.

Brasil

O setor de serviços brasileiro dá novo sinal positivo, com a atividade de maio crescendo acima das projeções. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o segmento cresceu 0,9%, acima dos 0,2% esperados. O volume de serviços comercializados cresceu 8,2% nos últimos 12 meses, muito por conta do menor temor sanitário. Os serviços de alojamento e alimentação, por exemplo, cresceram 42% com relação a maio de 2021.

Entretanto, os dados de varejo mensurados mostram crescimento mensal de 0,1% em maio, muito aquém do 1,0% esperado. A variação acumulada em 12 meses é de -0,2%.

Também relativo a maio, a prévia do PIB elaborada pelo Banco Central aponta para retração de 0,11% na atividade econômica com relação ao mês anterior.

A divulgação do Relatório Focus de 08 de julho mostra que as expectativas de inflação para 2022 seguem caindo. Com o repasse da redução de impostos sobre combustíveis ocorrendo de fato, a projeção mediana dos agentes de mercado é de IPCA de 7,67% neste ano, 0,29pp a menos que na semana anterior.

Telescópio James Webb envia sua primeira imagem colorida

O telescópio Webb, lançado no fim de 2021 para complementar o trabalho do lendário Hubble, enviou sua primeira imagem colorida à Terra. Sendo divulgada no último domingo (11), trata-se da visão infravermelha mais distante e detalhada já feita.

(Imagem capturada pelo Webb – Fonte: NASA)

Europa sofre com altas temperaturas

Uma onda de calor excepcional atinge a Europa, com queimadas deslocando milhares de pessoas na França, Espanha e Portugal. Com temperaturas acima dos 40ºC, o evento climático ainda expôs o fundo do Rio Po, que dá suporte para 1/3 da produção agrícola italiana. O país registrou o mês mais quente desde o ano de 1800.

Na Inglaterra, o alerta vermelho para “calor extremo” foi acionado pela primeira vez, com as temperaturas podendo atingir os níveis mais altos da história do país.

(Queimada assola floresta em Landiras, França – Fonte: Twitter @Dgamax/via REUTERS)

Biden visita Oriente Médio

O presidente dos EUA Joe Biden chegou nesta sexta-feira (15/7) à Arábia Saudita. Após prometer no passado isolar o país e torná-lo um pária internacional devido às inúmeras violações aos direitos humanos, Biden oficializa o recuo e busca sensibilizar os sauditas a elevarem sua produção de petróleo. O movimento aliviaria as restrições de oferta causadas pelas sanções à Rússia e causaria impactos positivos no combate à inflação global.

Fontes: TradingView, Investing.com, BP Money, InfoMoney, IBGE, CNN, Uol, BM&C News, G1, Reuters, Valor Econômico, BBC, S&P, CNN, Bloomberg.